segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Tourist Information 02 - Pedrinhas

O Balneário de Pedrinhas fica a cerca de 30Km do centro de Petrolina e vale a pena ser conhecido. Uma antiga aldeia de pescadores, o local recebe esse nome por causa das pequenas pedras arredondadas (como essas que se usa em paisagismo) que ocupam as margens do rio São Francisco. Nesse trecho, uma série de bares/restaurantes com arquitetura padronizada pela prefeitura dá um toque bastante agradável ao local, que é ideal para um bate-papo com amigos no final da tarde ou então uma simples caminhada para apreciar a vista.

Lá se pesca o Cari, um peixe que parece saído de um episódio de "National Kid contra os Seres Abissais". Se ele fosse do meu tamanho, eu ia sair correndo procurando ajuda sem pensar duas vezes. Todo preto, com escamas duras e nadadeiras trabalhadas (parece um crustáceo), dizem que ele rende uma boa moqueca. A conferir.

Depois de tudo visto, eis que eu e a Malu somos convidados pelo Geraldo, o dono do boteco onde tomávamos cerveja, para participar da Procissão de São Francisco. Participar de verdade, com direito a desfile de canoa pelo rio e depois acompanhar o cortejo até a igrejinha local. E lá fomos nós... só faltou mesmo carregar o santo nas costas, porque vela acesa para o santo a Malu levou. Eu, como vocês podem imaginar, estava com as mãos ocupadas com a máquina fotográfica.

É claro que havia um troglodita com o carro estacionado na beira do rio, com o porta-malas aberto e o som nas alturas, fazendo os poucos que ali estavam ter que digerir Calypso e companhia. Mas felizmente ele se mancou e desligou a "máquina" quando teve início a procissão. Dizem que nos domingos os carros lotam o local e competem pelo volume mais alto. Então, é para ir de segunda a sexta, de preferência.

As fotos, prá quem quiser conferir, estão em http://www.marcusramos.com.br/pedrinhas/

Foi um sábado à tarde "tudo de bom", mas em boa parte por acaso. Por quê esses eventos não são divulgados? Por quê pelo menos a prefeitura não coloca no site oficial da cidade um programa desses eventos tão interessantes? Por quê não se vê cartazes colados nas paredes?

Um comentário:

Anônimo disse...

Marcus, as fotos ficaram ótimas.
Parabéns.
Malu