sábado, 2 de junho de 2012

Navegar é preciso

Diferentemente da orla de Petrolina, a orla de Juazeiro é povoada de embarcações, de todos os tipos e nas mais diversas condições. Desde as pequenas canoas usadas pelos pescadores do Angari até as grandes embarcações cujas carcaças enferrujam lentamente na margem do rio, passando pelas barcas que fazem a travessia entre as duas cidades, Juazeiro definitivamente incorporou na sua paisagem um pequeno museu de exemplares que servem aos mais variados propósitos. Da simples e involuntária decoração paisagística até o uso utilitário e de lazer, o visual da orla da cidade baiana está intimamente associada à esse meio de transporte.

Nenhum comentário: