domingo, 11 de julho de 2010

Cartão postal

Não adianta. Eu ponho os pés em São Paulo e logo me vejo indo atrás de um dos meus temas fotográficos preferidos - os grafites que habitam e embelezam os quatro cantos da cidade.

Sou fascinado por eles, que representam para mim algo como o "imóvel porém não inerte" que dá as boas-vindas aos visitantes da Oficina do Francisco Brennand em Recife. O painel da foto foi feito num muro gigantesco (~6x60m) numa das principais vias de trânsito de São Paulo, a Radial Leste, próximo do bairro da Liberdade.

A composição panorâmica da miniatura acima foi feita a partir de oito fotos registradas separadamente. Clique nela, aguarde um pouco (pois o arquivo é grande) e deixe a sua imaginação voar juntamente com os sonhos e os devaneios dessas lindas, delicadas e misteriosas figuras no seu incrível mundo de fantasia.

2 comentários:

Aninha disse...

Olá! Adorei seu blog!!! Sou estudante de medicina e há 4 meses estou residindo em Petrolina. Sou de Marília-SP e me identifiquei muito com os seus relatos, parece que nós paulistas passamos pelas mesmas dificuldades!
Ainda não conheço bem a cidade, mas já está no coração!
Lindas as suas fotos... continue postando... já sou sua seguidora!
Abraços!

Marcus disse...

Olá Aninha!
Prazer em conhecê-la! Seja bem-vinda à Petrolina e obrigado por visitar o meu blog. É muito bom saber que as minhas experiências lhe pareçam familiares e que você se identifica com elas de alguma forma. Sucesso nos seus estudos e na sua nova fase de vida no sertão nordestino. Apareça sempre!
Abraços.