sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Mail only

Depois da livraria, que fechou, agora é a vez dos DVDs. As duas únicas lojas que vendiam esse tipo de produto por aqui (pelo menos as que eu conheço, me corrijam se eu estiver errado), o Bompreço e o Magazine Pérola, no shopping, estão rapidamente reduzindo as áreas de exposição e a quantidade de itens, sem repor estoque já há um bom tempo. Tudo indica que nas próximas semanas eles simplesmente desaparecerão dos respectivos estabelecimentos.

E quais seriam os motivos? As vendas de DVDs pela Internet estão mesmo acabando com o comércio tradicional? As pessoas estão apenas fazendo downloads, e a mídia realmente já encerrou o seu ciclo de vida? A concorrência dos produtos piratas, vendidos fartamente tanto deste, quanto do outro lado do rio, inviabilizou de vez a venda dos produtos originais? Ou será que os DVDs, assim como os livros, são produtos culturais que possuem pouca demanda na região?

Qualquer que seja a resposta (ou respostas), o fato é que lá se vai uma das poucas oportunidades de lazer e distração: vasculhar as lojas atrás de novidades e de novas descobertas.

2 comentários:

biaazul disse...

Olá Marcus!
Como vai?

Só tenho encontrado os piratas mas como seu post é antigo te pergunto: Ainda há lugar para compar pelo Centro?!

obrigada,

Beatriz

Marcus disse...

Olá Bia,
Vou bem, obrigado pela visita!
Eu nunca mais consegui comprar nada por aqui... e olha que eu sou um comprador com poucos freios. Como eu não compro pirata, desde essa época eu tenho adquirido apenas pela Internet (Submarino, Americanas, Videolar etc). Por aqui mesmo ainda tem alguma coisa no Hiper (quase nada) e no Pérola (menos ainda) do shopping, mas é apenas fim de estoque, nunca mais houve reposição. Por isso, vai ser difícil achar alguma coisa que preste. Também estive em uma locadora que estava se desfazendo de parte do estoque, mas os discos estavam todos em péssimo estado. Minha sorte é que o acervo aqui em casa é grande - tanto dos já assistidos, quanto dos por assitir. Minha sugestão: compre pela Internet mesmo, sem medo, pois os preços são bons, a variedade é grande, o serviço é confiável e a entrega é rápida. Ou espere até viajar para alguma cidade maior, como Feira de Santana, Recife ou Salvador.
Abraço e boa sorte!