sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Pousada L´amour


Eis que, no meio do deserto, no meio da aridez total, entre Juazeiro e Sobradinho, nos deparamos com a "Pousada L´amour". Não se sabe nada com relação à freqüência do local, à rentabilidade do negócio ou mesmo à decoração interna das suas suítes. Mas o visual externo é 10, com distinção e louvor. Toda pintada com motivos de oncinha, ela ainda se dá ao trabalho de acrescentar no letreiro "Desfrutando do amor". Deve ser para os distraídos...

Psicodélica total, pós-moderna e única em todo o sertão, quiça no país ou no mundo. Mas o melhor é a vizinhança: ninguém na frente, ninguém atrás e ninguém à direita. Só terra batida, mato seco, um cachorro ou outro perdido e um poste bem no meio da fachada (alguma mensagem subliminar?). Mas e à esquerda? Nada mais nada menos do que um acampamento de sem-terra. Sim, daqueles do MST que você vê de vez em quando no Jornal Nacional, com bandeira vermelha e tudo mais.

A foto não é minha (clique para ampliar). Na verdade, acho melhor nem falar de quem que ela é. Caso contrário isso poderia levantar especulações indevidas...

Pousada L´amour, local de tórridos encontros. Em todos os sentidos.

Nenhum comentário: